Siga-nos:

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
  • White Twitter Icon

© 2020 Game Audio School

Gerenciado por Andromeda Sound

NEWS

  • Felipe Ritzel

2# Criando músicas sempre na mesma tonalidade, Isso é bom?

Atualizado: 3 de Jun de 2019

Compor todas músicas do mesmo projeto na mesma tonalidade pode não ser interessante, pois arriscamos soar cansativos ao ouvinte/jogador.


Acredito que todo compositor tenha um tom preferido para tocar e compor e esse tom costuma ser o que mais dominamos tecnicamente. No fim, acabamos compondo muitas músicas na tonalidade em que dominamos e deixamos de explorar as sonoridades das outras tonalidades.

É importante o compositor dominar várias tonalidades. E dominar significa, além de conhecê-las, tocá-las com fluência técnica.

Mas afinal, o que é tonalidade? O que é tom? Para iniciar uma composição, é preciso conhecer estes termos:Tom é a nota principal de um campo harmônico e tonalidade é o conjunto de notas e acordes que, juntas, compõem um campo harmônico.É fundamental conhecer a tonalidade em uma música para fazermos analises musicais, e claro, para aplicar transposições e modulações nas composições.

Vantagens e desvantagens

Compor no mesmo tom tem suas vantagens para quem está iniciando a carreira e não será um empecilho para produzir música. Mesmo não sendo o ideal, podemos tirar vantagem disto. Se você não domina muitas tonalidades, não há problema nenhum em compor em um tom confortável tecnicamente, porém, é indicado que após a composição estar concluída, essa música seja testada em outros tons, pois ela pode vir a soar melhor de acordo com a proposta do projeto. Dominar várias tonalidades tecnicamente no seu instrumento nos dá maior fluidez na hora de compor e facilita, como falamos, as transposições e modulações, além do que o seu domínio abre possibilidades composicionais.

Não é interessante compor todas as músicas do mesmo projeto na mesma tonalidade, pois pode soar cansativo ao ouvinte/jogador.

É comum em um projeto de game ser solicitada mais de uma música ao compositor. Como sabemos, um game, mesmo que simples, tem vários ambientes como menu, créditos, fases, boss, etc. Você concorda comigo, de um modo geral, que cada uma das partes de um game tem uma característica diferente? Por exemplo, a música do castelo vai ter um clima totalmente diferente da fase da floresta, certo? Para não criarmos algo que possa ser cansativo ou que passe um clima constante (a menos que seja essa a intenção) em ambientes diferentes, o recurso mais básico é compor cada uma das músicas em tons diferentes.

Experimente!

Para atingirmos o resultado ideal em um projeto de game, entender as tonalidades é de fato essencial. Se você ainda não as domina, experimente, comece a transpor suas músicas para outros tons e explorar mais as sonoridades resultantes. A prática técnica também é indispensável para ajudar nesse processo.

12 visualizações